COMPARTILHE

O actor e modelo angolano Fredy Costa ia desfilar para a estilista angolana Nadir Tati mas sentiu-se mal, quando soube que Yola Araújo ia aparecer na ModaLisboa. Para evitar confusões ficou em casa. Ela surgiu como uma rainha mas ao contrário do que é habitual refugiou-se no silêncio.

Fredy Costa era uma das principais atracções do desfile de domingo à noite da estilista angolana Nadir Tati, na ModaLisboa. Contudo, o rumor de que a mulher – com quem ainda é casado – Yola Araújo iria surgir no desfile espoletou todo um drama.

Fredy teria, após saber da novidade, contactado a estilista, já na tarde de domingo, explicando estar doente há já alguns dias, e portanto impossibilitado de desfilar.

Fredy não apareceu e  Yola chegou atrasada ao desfile. A cantora angolana surgiu apenas no final do desfile de Nadir Tati tendo-se tornado em poucos minutos a estrela do Centro Cultural de Belém. A maioria dos angolanos correram para ir ter com a cantora pedindo fotos, um beijinho ou simplesmente dois dedos de conversa.

Yola Araújo na ModaLisboa

Abordada sobre a sua súbdita aparição e consequente ausência do marido – de quem está em processo de divórcio há vários meses –Yola, e ao contrário do que tem sido habitual, escudou-se no silêncio, isto depois de numa entrevista na comunicação social o ter acusado de ser mau pai, de ter sido violento e de a ter enganado.

Não vou falar sobre nada disso. Tudo o que falei sobre ele já disse“, avisou, refugiando-se a falar sobre trabalho, o que ela garante a trouxe a Portugal. “Estão todos a ser muito carinhosos comigo nos concertos que tenho dado cá. Em todos os sítios onde tenho actuado têm sido fantásticos comigo“, disse Fredy Costa.

>Flash